terça-feira, 17 de maio de 2022

KURT RUSSELL

O massachusettsiano Kurt Russell tem mais comédias no currículo dele. E filmes de terror em que ele apareceu até hoje foram raros.
A estreia dele na área foi em 1982, quando ele protagonizou O Enigma de Outro Mundo.
Em 1986, o Kurt protagonizou Os Aventureiros do Bairro Proibido.
Em 2007, ele foi visto em Grindhouse.
E em 2015, o Kurt protagonizou Rastro de Maldade.
Mais informações sobre o ator? Lá vai:










ATENÇÃO: esse post é inédito! Não consta na Bússola do Terror!
Até a próxima!

domingo, 15 de maio de 2022

0 SÍNDIC0

título original: O Síndico
ano de lançamento: 2006
país: Brasil
elenco principal: Cléo Menezes, Dhones Portella, Kojac
direção e roteiro: Richard de Castro

Num prédio onde parece que todos os moradores só pensam ‘naquilo’, mora uma mulher chamada Cléo, que costuma combinar uma brincadeirinha com o marido Dhones: sempre que podem, eles tentam levar algum homem pro apartamento deles pra fazer uma suruba.
E a próxima ‘vítima’ em que o casal tarado tá de olho é o síndico do prédio, que sempre parece ser muito sério e inacessível.
E realmente eles vão descobrir que, por baixo desse ar tão sóbrio, existe um tarado escondido!

Bom, a sinopse acima conta praticamente toda a história que vocês vão ver em O Síndico.rsrs Então, acho que não há mais nada a declarar.
Outros filmes do Richard de Castro que eu já indiquei aqui foram Incesto (2000); História de Pescador (2001); A Enteada; Minha Sobrinha Mais Nova (ambos de 2003); A Filha do Senador; Incesto Entre Irmãos (ambos de 2004); A Beata do Seu Gomes; Aninha, a Cabritinha (ambos de 2005); A Arquiteta e A Estoquista (ambos de 2006).
Mais informações sobre O Síndico? Lá vai:


E dê uma clicada aí do lado em ‘produções brasileiras’ que você acha os posts sobre A Arquiteta, A Beata do Seu Gomes, A Enteada, A  Estoquista, A Filha do Senador, Aninha, História de Pescador, Incesto, Incesto Entre Irmãos e Minha Sobrinha Mais Nova.
Até a próxima!

sábado, 14 de maio de 2022

KAZUHIKO NISHIMURA

O japonês Kazuhiko Nishimura provavelmente é mais conhecido no Brasil por ter feito uma pequena participação em 2 episódios de Defensores da Luz Maskman (1987), quando tava se preparando pra interpretar o guerreiro amarelo Jo do sentai seguinte, Choju Sentai Liveman (1988).
Foram raríssimas as participações dele até hoje em produções de terror.
Em 1995, o Kazuhiko apareceu no filme Teito Monogatari Gaiden.
E em 2006, ele foi visto no seriado de terror Jigoku Shojo.
Mais informações sobre o Kazuhiko? Lá vai:









E dê uma clicada aí do lado em ‘sentais’ que você acha posts sobre Liveman e Maskman.
ATENÇÃO: esse post é inédito! Não consta na Bússola do Terror!
Até a próxima!

sexta-feira, 13 de maio de 2022

0 CAS0 DA CUNHADA G0ST0SA

título original: O Caso da Cunhada Gostosa!
ano de lançamento: 2006
país: Brasil
elenco principal: Priscila Wolp, Roger Lemos, Ygor
direção e roteiro: Roger Lemos

O detetive particular Igor Q. Pinto se especializou em dar flagrantes em mulheres casadas que traem os maridos. E ele tem um colega que ajuda ele a fazer isso, chamado Roger.
Esse é um mestre do disfarce. E ele se fantasia como os amantes das mulheres que o Igor tá investigando e transa com elas num lugar onde o Igor consiga fotografar. E elas não desconfiam de nada, pois pensam que tão transando com os amantes de verdade delas.
Mas agora o Igor tem um caso diferente pra resolver: a cunhada dele cismou que quer transar com ele. E ela manda o endereço de um motel onde tá esperando por ele.
O Igor fica na dúvida se aceita ou não ir apagar o fogo da cunhada. E ele começa a conversar com o Roger sobre o assunto, sem perceber que o outro tá de olho no papel onde o endereço tá escrito...

Evidentemente, O Caso da Cunhada Gostosa! é uma sátira dos filmes de detetives particulares. É uma comédia mesmo, pra você rir e se divertir. Só isso.
Só que as cenas de sexo são de verdade.
Bom, o Roger Lemos foi não só o diretor e roteirista do filme, como ele também fez parte do elenco... Pra quem não conhece o Roger, ele gosta de entrar no meio da farra nos filmes que ele dirige.rsrs
Outro filme dirigido por ele que eu já indiquei aqui foi Orgias no Convento (1999).
Mais informações sobre O Caso da Cunhada Gostosa!? Lá vai:


E dê uma clicada aí do lado em ‘produções brasileiras’ que você acha o post sobre Orgias no Convento.
Até a próxima!

quinta-feira, 12 de maio de 2022

JOSÉ MAYER

O brasileiro José Mayer é mais conhecido pelas várias novelas que fez na Globo, quase sempre interpretando um galã durão. Mas pouca gente lembra que ele estreou como ator em 2 filmes de terror, ambos lançados em 1975: A Mulher do Desejo (no qual ele foi o protagonista) e Enigma para Demônios.
E em 2001, ele protagonizou Buffo & Spallanzani, que tá creditado pelo IMDB como “horror”, embora, a meu ver, aquilo não seja um filme de terror.
Acredito que Buffo & Spallanzani tenha recebido essa classificação por causa de algumas cenas splatter, como a polêmica cena da castração/autofagia.
E também em 2001, o José foi o protagonista da série Presença de Anita, inspirada no livro com o mesmo nome (1948) do brasileiro Mário Donato.
Em 2015, a série foi reorganizada como telefilme e assim reexibida.
Bom, embora a história termine em aberto, somos surpreendidos no final com a aparição da vilã Anita depois de morta voltando pra provocar a morte do amante Fernando (o personagem do José).
A questão é que só o Fernando enxergava a Anita depois de morta, mas o legista que examinou o corpo dela viu o cadáver mexer os olhos...
Ficam 3 possibilidades e o telespectador entende o que quiser: a Anita não morreu e simplesmente voltou pra se vingar do Fernando, ela morreu e o espírito dela voltou pra se vingar dele ou então ele simplesmente enlouqueceu e imaginou que tava enxergando ela e se suicidou.
Mais informações sobre o José? Lá vai:


Antes de encerrar o post, vale a pena fazer algumas reflexões aqui...
Em 2017, o José se envolveu numa briga com a figurinista Susllem Meneguzzi Tonani, que acusou ele de assédio sexual.
O José admitiu logo depois que realmente tinha tido um comportamento sexualmente desrespeitoso em relação à figurinista e pediu desculpas a ela publicamente.
Depois disso, pressionada por várias celebridades feministas, a direção da Globo decidiu não dar novos trabalhos a ele e não renovar o contrato dele quando chegasse ao fim, o que aconteceu em Janeiro de 2019.
Mas será que as celebridades feministas em questão ou mesmo a própria Globo não quiseram se livrar do José exatamente porque não queriam mais a imagem da emissora associada ao tipo de personagem que ele sempre interpretava?
Afinal, o tipo de heróis aos quais ele sempre deu vida contradizem bastante as pautas politicas que a emissora defende atualmente. E como as feministas partidárias obtêm vantagens vindas dessas pautas políticas...
O problema que aconteceu entre o José e a Susllem, na verdade não contou tanto assim. A lembrança do que o José já fez em termos de personagens na Globo é que é incômoda tanto pra emissora quanto pras feministas famosas. Então, se alguém ainda não entendeu por qual motivo botaram ele pra fora de uma forma tão indiscutível, é só somar 2 + 2  pra enxergar o 4.
ATENÇÃO: esse post é inédito! Não consta na Bússola do Terror!
Até a próxima!

quarta-feira, 11 de maio de 2022

DADDY CRUlSlNG: SAN FRANClSC0

título original: Daddy Cruising: San Francisco
título brasileiro: inexistente (inédito no Brasil)
ano de lançamento: 2006
país: Estados Unidos
elenco principal: Denny Taylor, Jay Taylor, Michael Burkk
direção e roteiro: Phil Lipino

Talvez não pareça à 1ª vista, mas liberdade sexual na velhice é um super tabu na sociedade brasileira! Então, ver um casal de pessoas mais velhas mostrando que tem vida sexual ativa (principalmente se o casal em questão for homossexual) incomoda muita gente.
Aliás, no caso de um casal homossexual, nem precisa acontecer nenhuma demonstração explícita de vida sexual ativa. Afinal, a gente sabe que a simples existência de uma pessoa homossexual mais velha já incomoda os grupos pentecostais e neopentecostais extremistas. Não esqueçam que uma das coisas que eles pregam é que todo homossexual obrigatoriamente vai morrer de AIDS ainda na juventude, a não ser que ele aceite Jesus (Obs.: no vocabulário pentecostal e neopentecostal “aceitar Jesus” significa “dar dízimos pro pastor daquela igreja específica”).
Bom, Daddy Cruising: San Francisco é um filme que fala exatamente sobre um gay com mais de 60 anos que vai passando por aventuras sexuais sem compromisso.
Não é um filme que vai agradar a todos, é claro. Mas passa uma mensagem importante: SIM, OS IDOSOS TAMBÉM FAZEM SEXO!!!
Como as cenas de sexo são de verdade, vou lembrar aquilo que eu sempre digo: se você gosta desse tipo de filme, veja; se não gosta, ignore.
Mais informações sobre Daddy Cruising: San Francisco? Lá vai:


Até a próxima!

terça-feira, 10 de maio de 2022

JIMI MISTRY

O inglês Jimi Mistry é um ator mais de dramas e romances.
O único filme de terror em que ele apareceu até hoje foi Basement (2010).
Mais informações sobre o Jimi? Lá vai:















ATENÇÃO: esse post é inédito! Não consta na Bússola do Terror!
Até a próxima!

segunda-feira, 9 de maio de 2022

CLUBE PRl\/Ê

título original: Clube Privê
ano de lançamento: 2006
país: Brasil
elenco principal: Mateus Carrieri, Mayara Rodrigues, Pamela Butt
direção e roteiro: José Gaspar

Embora Clube Privê seja mencionado por alguns como um remake pornô de De Olhos Bem Fechados (1999), não é bem isso... Bom, é claro que o aspecto físico de certas coisas ali lembra algo do outro filme. Mas em termos de roteiro, são histórias diferentes. Então, chamar isso de “remake” já é viajar um pouco.rsrs
Clube Privê chamou a atenção do público na época em que foi lançado principalmente por ser a estreia do ator Mateus Carrieri na curta carreira pornô que ele teve, que só duraria até 2009 (hoje ele diz que não quer mais fazer esse tipo de filme, por achar que acabou atrapalhando outras áreas da vida dele).
Quanto ao roteiro:

Conversando com um amigo, o Mateus fica sabendo, muito superficialmente, de uma misteriosa mansão onde acontece alguma coisa relacionada a sexo.
Curioso e tendo conseguido descobrir o endereço da tal mansão, ele vai até lá, consegue entrar e vê que o lugar na verdade é um clube onde certas pessoas se reúnem pra transar sem compromisso com desconhecidos.
A partir daí, o Mateus sai andando pelos corredores da mansão e entrando num quarto, em outro, em outro... E nisso ele vai transando com as mulheres que encontra pelo caminho.

Bom, além do entretenimento sexual, Clube Privê também procura satisfazer algumas fantasias masculinas durante o seu desenrolar: o herói da história sai sozinho em busca de aventuras num lugar desconhecido (o que dá um certo clima de aventura ao filme), ele aparece andando na rua sozinho de madrugada e, talvez a que agrade mais, as mulheres com quem ele transa, ao terminar de transar, simplesmente saem andando pra longe dele em silêncio (não cobram um relacionamento só porque houve sexo, não reclamam porque ele não foi romântico, não querem discutir relação...).
E já que o filme tem a intenção de contar uma história, devo dizer que ele deixa algumas contradições. E a mais escancarada de todas: cada vez que o Mateus termina uma transa, ele tá pelado, mas aí ele sai daquele quarto da mansão e chega no quarto ao lado vestido da cabeça aos pés! Então, nos menos de 10 segundos que ele levou pra sair pela porta de um quarto, caminhar pelo corredor e entrar pela porta do outro quarto, ele conseguiu se vestir todo?!
De qualquer forma, Clube Privê vai agradar a quem busca um pornô mais chique e com um certo ar de aventura.
Outros filmes do José Gaspar que eu já indiquei aqui foram Obsessão e Sedução (ambos de 2004).
Mais informações sobre Clube Privê? Lá vai:


E dê uma clicada aí do lado em ‘produções brasileiras’ que você acha posts sobre Obsessão e Sedução.
Até a próxima!

domingo, 8 de maio de 2022

JAKE GYLLENHAAL

Considerado um dos nomes principais entre os atores hollywoodianos na casa dos 40, o californiano Jake Gyllenhaal curiosamente tem mais comédias no currículo dele. E foram poucas as produções de terror em que ele apareceu até hoje.
A estreia dele na área foi em 2001, quando ele interpretou o personagem-título de Donnie Darko.
Há quem chame esse filme de “suspense” e há quem chame de “terror light”. Então...
Em 2012, o Jake foi visto no curta-metragem de terror The Shoes: Time to Dance.
Guardando-se as devidas proporções de diferença, esse filme parece uma versão simplificada do slasher oitenteiro A Hora das Sombras (1981), que é criticando principalmente por não dar nenhuma informação sobre a identidade do assassino nem de por qual motivo ele mata, exatamente como o personagem do Jake aqui.
E os vilões dos 2 filmes também têm a aparência de caras comuns, em vez de homens deformados e anormalmente fortes.
Bom, em 2016, 1 episódio do seriado de terror World Premiere contou com o Jake no elenco.
No ano seguinte, ele protagonizou Vida e também participou do curta-metragem de terror Great Performers: Horror Show.
Em 2019, o Jake protagonizou Toda Arte é Perigosa.
E no ano seguinte, ele foi o produtor do filme Relíquia Macabra.
E outro filme em que o Jake apareceu que eu já indiquei aqui foi O Segredo de Brokeback Mountain (2005).
Mais informações sobre o ator? Lá vai:


E dê uma clicada aí do lado em ‘produções canadenses’ que você acha o post sobre O Segredo de Brokeback Mountain.
Até a próxima!

sábado, 7 de maio de 2022

A ESTOQUISTA

título original: A Estoquista
ano de lançamento: 2006
país: Brasil
elenco principal: Lorena Aquino, Vinny Burgos, Yasmin Viana
direção e roteiro: Richard de Castro

Um galpão utilizado pra estocar diferentes materiais é administrado pelo microempresário Vinny.
As estoquistas que trabalham ali tão sempre ansiosas pra ter uma promoção ou pra ser tratadas com mais vantagens dentro da microempresa. E é claro que elas tão dispostas a... convencer o chefão a dar esses privilégios a elas.

Bom, acho que nem tem muito mais do que isso pra se dizer sobre A Estoquista.rsrs
Esse é um filme que vale a pena ser visto mais por quem é fã do elenco. Porque a história, como já vimos, não se desenvolve muito.
Também não espere ver nada comparado ao que a Lorena Aquino e o Vinny Burgos são vistos fazendo em outros filmes.rsrs As cenas de sexo aqui são bem feijão com arroz mesmo. É um filme pornô pra iniciantes.
E como eu sempre digo: se você é fã desse tipo de filme, confira; se não é, ignore.
Outros filmes do Richard de Castro que eu já indiquei aqui foram Incesto (2000); História de Pescador (2001); A Enteada; Minha Sobrinha Mais Nova (ambos de 2003); A Filha do Senador; Incesto Entre Irmãos (ambos de 2004); A Beata do Seu Gomes; Aninha, a Cabritinha (ambos de 2005); e A Arquiteta (2006).
Bom, clique aqui pra ver mais informações sobre A Estoquista:


E dê uma clicada aí do lado em ‘produções brasileiras’ que você acha os posts sobre A Arquiteta, A Beata do Seu Gomes, A Enteada, A Filha do Senador, Aninha, História de Pescador, Incesto, Incesto Entre Irmãos e Minha Sobrinha Mais Nova.
Até a próxima!